Jornal defensor da valorização de Aveiro e da Região das Beiras
Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Diretor: 
Adriano Callé Lucas

Japão admite risco de 'tsunami' após vulcão da Papua-Nova Guiné entrar em erupção


Segunda, 20 de Novembro de 2023

Um vulcão na Papua-Nova Guiné entrou hoje em erupção, anunciou a Agência Meteorológica do Japão (JMA), acrescentando que está a avaliar um possível risco de 'tsunami' para as costas japonesas.
O Monte Ulawun, na ilha de Nova Bretanha, na Papua-Nova Guiné, entrou hoje em erupção por volta das 15:30 locais (06:30 de Lisboa), expelindo fumo vulcânico a uma altura de 15.000 metros, disse a agência, citando o Volcanic Ash Advisory Center em Darwin, na Austrália.
A Agência Meteorológica do Japão admitiu o risco de um 'tsunami' se aproximar do Japão ainda no dia de hoje. As primeiras ondas poderiam atingir as ilhas Izu e Ogasawara cerca de três horas após o abalo provocado pela erupção, de acordo com a JMA.
A agência japonesa não emitiu qualquer aviso ou alerta de 'tsunami', afirmando que não foi detetada qualquer alteração significativa do nível do mar nos locais de observação dentro e fora do Japão.
A Geoscience Australia, uma agência governamental, disse que não havia nenhum alerta para as águas australianas. O Centro de Alerta de Tsunamis do Pacífico, sediado no Hawai, também não emitiu qualquer aviso.
A Divisão de Gestão de Riscos Geológicos da Papua Nova Guiné, uma agência governamental que monitoriza terramotos, 'tsunamis' e erupções vulcânicas, não respondeu imediatamente a um pedido de informação.
A JMA, no entanto, instou os residentes costeiros a permanecerem cautelosos no caso de um atraso na chegada de um 'tsunami', acrescentando que não poderia prever imediatamente o tamanho das ondas.


Suplementos